Câncer – Medicina Integrativa em Oncologia

03/07/2015 14:52

Medicina Integrativa em Oncologia

Na América, alguns dos centros oncológicos mais importantes usam a complementaridade com a “Medicina Integrativa”.
Exemplos:

  • Dana-Farber CAncer Institute – centro medico da universidade de Harvard;
  • San Diego Cancer Reseaech institute; o centro de Medicina Integrativa e Complementar de New York Presbyterian;
  • Hospital-Weill Cornell Medical Center;
  • Memorial Sloan-Kettering Cancer de New York e o MD Anderson Cancer Center do Texas.

Em Espanha, Natalia Eres, médica oncóloga deixou a sua prática clinica no hospital de Barcelona. Abriu uma clinica de Oncologia Integrativa (Todas as medicinas em complementariedade, para ajudar o paciente).

Na Alemanha esta a ser usado o que os alemães denominam de “Naturalistic Approach”, ou seja a complementariedade com a medicina integrativa

Especialidades da Medicina Integrativa mais efetivas

  • Medicina Naturopática
  • Medicina Homeopática
  • Sais Bioquímicos de Schussler
  • Medicina Acupuntural
  • Medicina Vibracional [Efluvioterapia, Meditação, Visualização Criativa]

Cada vez existem mais cientistas, neurofisiologistas, biólogos, etc., com câncer e que sentem no seu próprio físico a rudimentaridade da quimioterapia. Então porque não escutam mais as possibilidades reparativas dos sistemas vivos?

Estas pessoas são testemunhas vivas e ao mesmo tempo líderes de opinião, não simples doentes que se interrogam com ignorância.

Quando toda esta gente falar abertamente, dar-se-á uma mudança de consciência medica e política que irá enfrentar o cancro e mudar a nossa vida.